Mineral

blizzard-1245929

Por: Alvaro Assis

É mineral a tarde onde o cachorro late sua melancolia cinza
Tem chumbo, molibdênio e aço essa tarde vestida de tempestade
O homem que vive dentro dessa tarde
não o homem da palavra: homem)
Mas o da palavra: cinza, da palavra: chumbo, também é mineral
O mastro da bandeira, que ainda é vegetal na mata metida nesta tarde, nem imagina que estará morto, na manhã inerte, na praça, no dia da bandeira
O vento, molhado de chuva, escorregando pela montanha, resiste a ser musgo, a ser lodo, a ser líquen
Plantada na pedra, a tarde vai perdendo os passos, vai perdendo vento, vai perdendo a chuva, vai virando homem.
(Alvaro Assis)

Créditos da imagem: Disponível em: < https://pixabay.com >. Acesso em: 03 ago. 2018.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: