Categoria Poesia

Flor em Canção

Por: Diogo Verri Garcia Flor em canção Está aí A coisa mais bela que a vida pra mim Trouxe em você e em mais ninguém. Insensato Eu me torno em seus braços em meio a carícias Até pra dizer que me faz tão bem. Não há problema em deixar transbordar Algum lugar lá no meu […]

Ler mais

E o que é de verdade?

Por: Bianca Latini E o que é de verdade? A vida não é somente sobre Tarefas, obrigações, compromissos Correria, trabalho Ganhar mais dinheiro Cumprir metas de resultados Imposições religiosas, históricas, sociais,culturais Bater ponto Seguir horários Estar no compasso do relógio dos outros A vida é muito mais do que isso: É sobre descobrir o seu […]

Ler mais

Bicho espinhoso

Por: Raquel Alves Tobias Primeiro a voz quis falar. Mas aí os dentes se cerraram com uma forte mordida. E então nasceu um bicho, que ficou preso ali, zanzando dentro da cavidade, nervoso e inquieto, se batendo de um lado pra outro até inchar as bochechas. Gritou pra ver se alguém o ouvia, mas a […]

Ler mais

Prosa Areada

Por: Diogo Verri Garcia (Prosa areada) Poesias trazem lembranças São rememoranças nossas ou de um qualquer outro. Que fazem do verso um guilhote; Tornam o verso um sopro De quem narra o amor que já passou e, antes do verso, era tanto esquecido. O poeta a isso não viu, Mas escreve tal como tivesse vivido. […]

Ler mais

Fusão

Por: Bianca Latini Beijar na boca É manter vivo o gosto da audácia De penetrar o sabor alheio É viver a adolescência, independente dos anos que se tem É desvendar os mistérios do ritmo do outro E impregnar a sua forma de se fazer presente, marcante, incessante É estar atento aos movimentos No momento do […]

Ler mais

Por: Victor Cabral Mais sublime que as sagradas escrituras O milagre da beleza de suas curvas Os seus cantos e perfumes de romã Todo o drama da poesia do islã A serpente que criou os desertos Os dedos que te tocariam, ainda que incertos, Tocam as músicas que os Valar compunham Amando os amores que […]

Ler mais

Poema do Verso Demudado

Por: Diogo Verri Garcia POEMA DO VERSO DEMUDADO Foi Raiz da causa que apressava a alma, Ainda que assim tão pura, De tão aguda, antes já me desfez a calma Feito a luz de uma cheia lua, Feito dia, ampara e enternece. Entretece a luz pequena de uma chama em vela, Luminosa pouco quão, que […]

Ler mais

Especial dia dos namorados (“Namorar”, por Bianca Latini)

Caros leitores, publicamos hoje o especial Dia dos Namorados, do Literarte, com o poema “Namorar”, de Bianca Latini. Vejam também o vídeo. Por: Bianca Latini NAMORAR Namorar é fitar o outro Falar pela íris Sorrir pelo olhar Namorar é farejar seu encantamento a quilômetros de distância É sentir o coração, na primeira estirada, acelerar e […]

Ler mais

Verso Encaminhante

Por: Diogo Verri Garcia (Verso Encaminhante) Desceu a rua inteira, Só por tentar caminhar. Passou, insistiu e voltou, Só para tentar ver o mar. Aquele momento tão preso, Tornado e tornava-se tormento. Deixava a vida vazia Sem cor, de uníssono sabor já ansioso, mais insólito e isento. Ao menos, por sentir a vida por lá, […]

Ler mais

Ignorância

Por: Mauricio Luz Ignorância A um sábio perguntei Como o coração dominaria. Por violência ou magia O que fazer eu teria? Sem olhar para mim Ele me respondeu: “Como tantos no mundo Você ainda não entendeu” “Se não pode o navegante Mudar o rumo dos ventos Como pode você querer Dominar seus sentimentos?” “Faça como […]

Ler mais