Categoria Bianca Latini

Por: Bianca Latini Eu vibro para que os sentimentos em mim sejam de expansão e não retráteis Para que a boa energia percorra minhas veias com fluidez Para que o Amor preencha cada célula do meu corpo, cada fio de cabelo e inunde meus olhos, minhas lágrimas Eu vibro para que a acolhedora clareza em […]

Ler mais

Sem cortes, sem edição

Por: Bianca Latini Sem cortes, sem edição No momento em que me permitoOs caminhos se abremAs cortinas desabrocham e o palco se autorevelaNão é CarnavalMas abre alas, que eu quero e mereço passar!Com passos firmesDe quem descobriu sua verdadeE não necessita ser perfeitaManiquefeita, liquefeita, fulgazAgora piso no palco com a voz roucamesmo e bem desafinadaApresento-me […]

Ler mais

Bem diante do nariz

Por: Bianca Latini Bem na palma do nariz Você procura incessantemente o AmorSem nem se dar conta de que você já vive o Amor todo dia!É que ele não está emoldurado como os anúncios e propagandas estereotipadas que te venderamVocê foge do medo, mas vive o medo a cada minuto, quando deixa de fazer algo […]

Ler mais

Afinal, o que é O Tempo?

Por: Bianca Latini Afinal, o que é O Tempo ? Afinal o que é O Tempo?O tempo somos todos nósA inconstânciaA impermanênciaO tempo é como lidamos com o presenteComo gerimos nossas prioridadesE o que fazemos do agoraO tempo é a precisão com que dizemos sim e nãoÉ o quanto somos nós mesmosO tempo é a […]

Ler mais

Próximo trem

Por: Bianca Latini Próximo trem Aqui dentro jaz um ruídoJaz um zumbidoUma inquietaçãoUma queimaçãoUma ruminaçãoOnde foi que terei me perdido?Onde errei na mão?Venenos destiladosSabotagensE nada de automassagensSó vejo ruas sem setasEsquinas sem placasCruzamentos sem semáforosArmários sem roupasMentes sem organizaçãoTá tudo ruindo e eu não me achoTá tudo caindo e eu não me encontroEu? Quem? Quem […]

Ler mais

Liquidificador: infinitas possibilidades

Por: Bianca Latini Liquidificador: infinitas possibilidades Meu mundo tá tão grande aqui dentroQue ele não cabe mais em minha limitação corpóreaMeu mundo quer ganhar o mundoE ser universo inteiroEspaçosPedaços do quebra-cabeça que são o todo…O quebra-cabeça universal, macroDe infinitas peças e infindáveis encaixesDe incontáveis cores, matizes…Por que o peso da escolha?Queria ser tudo ao mesmo […]

Ler mais

Inspiração – Fênix

Por: Bianca Latini Inspiração – Fênix Eu transplanto a força da Fênix eEnxerto suas asas em meus ombros, mentalmenteFecho os olhos e inspiro sua sabedoria de vôo e e sua natureza de ressurreiçãoImbuída dessa magnitude,Tomada pelo ballet da dança que é voarAlço voo, que eu, na minha humanidade,ainda não consigo fazerTalvez por pensar demais ou […]

Ler mais

Labareda em mim

Por: Bianca Latini Labareda em mim A raiva parece ruimMas pode não serQuando me espremem, me oprimem, me encurralam, me sufocamEu sinto raiva, medo, destemperoEntão eu escrevoE são os melhores textosVem de dentro!Do útero, como o dito popular gosta de dizerExatamente do local onde vem, eu não sei…Mas quando sai, tenho convicção de que veio […]

Ler mais

Livremente paradoxal

Por: Bianca Latini Livremente paradoxal Quero enxergar de olhos fechadosQuero abraçar com os lábiosQuero dormir de olhos abertosFalar em silêncioCalar tagarelandoQuero saltar sem mover os pésAlcançar o alto sem levantar os braçosCheirar com a línguaOuvir com o olfatoTatear com os olhosSentir o gosto com a audiçãoQuero voar ainda que sinta estar com um enorme peso […]

Ler mais

Tirando as rodinhas

Por: Bianca Latini Tirando as rodinhas Eu não vou falar para você tirar as duas mãos de uma vez, pois sei que isso não é possível agoraPrimeiro, deixa de espremerDepois, de segurar com tanta forçaUm dia de cada vez…Passo a passo…Agora tira uma mão e depois a outraÉ sobre agir ou melhor: desagir em relação […]

Ler mais