Categoria Bianca Latini

Aos viventes

Por: Bia Latini Aos viventes A vida éPerder para ganhar,Abrir mão para conquistarViver, fluir, celebrarO que viemos aprender aqui?Que rota tomar?O quanto se perde, para se achar?Do que se está fugindo?O quanto se mergulha e põe a cabeça na água?Quem vive mais?Os mais sãos ou os mais loucos?O que é a loucura?Qual a melhor parte […]

Ler mais

Cartas: por isso escrevo.

Por: Bia Latini Cartas: por isso escrevo. Cartas são pontesIçamElevamAterrissamSão guias, caminhosAté o lado de láCartas unem dois pontosSão contosReverberaçãoAproximaçãoSão vozes de longe que sussuram no ouvidoMaterializam pessoas, sentimentos, perfumes, semblantes, gruinhidosCartas são abraço, lágrima bem salgadaChoro, risoPalavras de arrepiarSegredosMotivosCartas suavisam a defasagem da ausênciaCriam presença, concomitância, sincronia, vivênciaCartas são teleféricos de papelSão aquelas malas […]

Ler mais

Nebulosa incessante

Por: Bia Latini Nebulosa incessante Eu tô caindo simMas não quero me escorarEu tô caindoDeixa eu despencarEu tô chorandoDeixa eu me debulharQuero cair gritando, grunhindo, expurgando, ruindoEu quero esfacelarDeixa eu entender cada grãozinhoCada movimento e ausência de açãoQuero construir o meu perdãoMeu auto perdãoNão quero corda, linha, nem varinha de condãoDeixa eu saber voltar da […]

Ler mais

Deixa eu!

Por: Bia Latini Deixa eu! Saber que a minha fantasia é fantasiaNão foi legalEu quero poder viver carnavalPensar que a chuva é vendavalSe eu souber que é apenas chuvaQue graça tem?!É como me contarem que Papai Noel não existe e continuarem deixando os presentes na árvoreOu colocar os ovos, mesmo depois de ter revelado a […]

Ler mais

Viva o circo!

Por: Bia Latini Viva o circo! O circo e sua incrível magia…De desafiar as leis do tempo, que suscitam limite para sermos crianças e para rir de besteirasDe questionar a lei da gravidade, da sanidade, das impossibilidadesCorpos treinadosMentes libertasBarreiras estilhaçadasTreino, riso, superaçãoExaustão, sincronia, expressão na face, nos músculos, nos movimentosCumplicidade entre os integrantesConfiança no braço […]

Ler mais

Tear locomotivo

Por: Bia Latini Tear locomotivo A vida é sobre isso:Aquilo que você faz durante o movimentoSempre achei que deveria esperar o trem parar, para eu descer e começar a aproveitar o que tinha nos cenários, no imaginário, no itinerárioMas não é bem assim…As paisagens passam, a beleza chega, o bebê chora, a comida esquenta, esfria, […]

Ler mais

Quando estiver, esteja

Por: Bia Latini Quando estiver, esteja Quando estiver, estejaÀs vezes a gente fica, sem permanecerDoa, sem entregaMergulha, sem molharAtira-se, com os pés presos na bola de ferroBeija, sem sentir o gosto dos lábiosFala, sem dizerAgradece, sem gratidãoPerdoa, sem liberar a mágoa… Parece muito óbvioMas o óbvio precisa ser dito, compreendido, desenhado, sentido, vivido, vivenciadoNão é […]

Ler mais

Abre-Alas

Por: Bia Latini Abre-Alas Chega!Eu já me perdi muito nessa vidaAgora eu quero me acharSei que ainda vou me perder maisQuero apenas passar por uma boa fase de acharias, sabe?!Só um “cadim”Um “tiquim” de honestidade comigo mesma, com minha história, minha potência criativa e embelezativa,soterrada por tantas não autorizações, sabotagens, viagens psicodélicas de menos valia […]

Ler mais

Cabra-cega

Por: Bia Latini Cabra-cega E de repente estou a repetir padrõesEmuladores das minhas opções de chegadaQue escolhas serão essasQue me fazem cair no mesmo bueiro, tropeçar na mesma lombada?São eles, os soldados inibidores da liberdade da almaAqueles que querem aprisionar-nos em padrões, jargões, fantoches, piadasSabotadoresConvidam-nos a mantermo-nos anões, mudos, ensurdecidos, beatos, canonizadosMorais, moralizadosReduzem-nos a um […]

Ler mais

Faróis

Por: Bia Latini Faróis Ser pai e mãe é ser alavanca, maçanetaÉ ser degrau, escadaPiscina sem águaA água é justamente o filhoE a piscina pode ser rasa, funda, bem demarcada ou de borda infinita, permitindo ver o horizonteSer pai e mãe é ser ponte, farol, guiaÉ ser veículo e não caminho em siAs pegadas: firmes […]

Ler mais