Arboresce

Por: Diogo Verri Garcia

aerial-3303830

Está chuviscando já,
Uma garoazinha…
O dia é vazio, cinza.
Uma brisa sem vento,
Em que a paz é sozinha

Tem dias que a vida pesa
E de apesar em apesar,
Nota que damos razão em pensar assim dela.
Tem dias que a vida reza
Para deixarmos de pesar – ávidos em reclamar –
E olhemos o tanto de tanto
Que brota à janela

Mas há quem entenda que a vida preza;
E fazem prece feliz, em descalabro ao remanso.
Apegam-se à vida, que aquiesce
– o caminho cabe a quem o estabelece.
Ao verem em si seu ardor, notam a vida;
Na espera de todo bem que há,
Tornam a dor tão leve e esvanecida.

E propositadamente jogam-se a sentir a garoa.
Percebem a gota que forma e cresce:
Toda água é um pranto que estabelece uma proa.
Feito um orvalho que rola e pelo rosto desce,
É momento feliz de paz recebida.

Tem vezes que a vida pesa
Quando vivemos pensando em pesar, por pesar.
Nos aborrece – e a vida se aborrece –
Por não viver, sem nada ver,
Sem notar
Que frequentemente …
Tem muitos dias em que a vida arboresce.

(Diogo Verri Garcia, 02/11/2018)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: