Poema à Praia

Por: Diogo Verri Garcia

20190113_075658

Nossos melhores caminhos levam à praia,
Onde vige a lei de Deus,
A regra do vento, o compêndio das águas,
Onde não sobra espaço para problemas teus.

Que ficam na praia, nada a lastimar.
Ficarão por lá, sem voltar contigo.
Até teus erros já gostam da praia.
Lá encontraram leveza, porque lhes é permitido.

O vento toca o rosto,
a água abre os caminhos.
Se veio algum desgosto contigo, veio:
voltará sozinho.

Os grãos de areia que te encontram na praia
São obra do mar
e ao tempo convém
dispersá-los ao sol,
entregues a quem os tocar,
Como orações pequenas que são,
de paz e bem.

(Diogo Verri Garcia. Rio de Janeiro, 14 de janeiro 2019).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: