Prisão

Por: Mauricio Luz

Prisão

Não tem paredes a serem quebradas
Ou grades a serem partidas
Não tem portas a serem rachadas
Ou celas escurecidas

Mas até onde chega a mente
Até onde a vista alcança
Não há prisão mais inclemente
Que a ausência de esperança

Por: Mauricio Luz


Créditos da imagem: Pixabay

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: